header

Programação

Dia 04 - Sexta-feira

18:00

Abertura

Galeria 1

  • Exposição Fábrica, de Daniel Blaufuks

Galeria 2

  • Sala 1: O Cinema em Portugal – Linha do Tempo
  • Sala 2: Exposição Visagens Nordestinas, de Augusto Pessoa
  • Sala 3: Exposição Eu sei que não são bandeirinhas, Volpi! de Pedro Bastos

18:30

Tenda Andorinha Sessão Solene de Abertura

Autoridades, convidados e cineastas dos países da CPLP

19:00

Tenda Andorinha Sessão Guimarães Capital da Cultura

O Bravo Som dos Tambores, de João Botelho

As Nicolinas, festa organizada pelos estudantes da cidade em honra a São Nicolau.

Duração 25 minutos

A Palestra, de Bruno de Almeida

Um escritor americano é convidado a visitar Guimarães para dar uma pales- tra sobre a obra de Edgar Allan Poe.

Duração 23 minutos

Em Honra de São Gualter, de Rui Simões

Por volta de 1213 Frei Gualter é enviado por São Francisco de Assis para Guimarães, foi crescendo a devoção a este frade franciscano.

Duração 25 minutos

20:00

Sessão Cinema Contemporâneo Brasil

Sala Vladimir Carvalho

Sopro, de Marcos Pimentel

A existência humana e os mistérios da vida e da morte, mostrados no co- tidiano de uma pequena vila rural no meio do nada, no interior do Brasil, onde algumas famílias vivem, há anos, isoladas de maiores contatos com o mundo exterior.

Duração 73 minutos

21:00

Sessão Cinema Contemporâneo África Lusófona

Tenda Andorinha

O Grande Kilapy, de Zezé Gamboa

Joãozinho é um jovem angolano, descendente de uma rica família do período colonial. Este rapaz mestiço quer apenas viver a vida, saindo com mulheres, se divertindo com os amigos e gastando seu dinheiro. Embora seja alto executivo do Banco Nacional Angolano, ele desvia os fundos da própria instituição onde trabalha, distribuindo dinheiro aos colegas, militan- tes pela libertação de Angola.

Duração 110 minutos

*Muitas das cenas deste filme foram rodadas em João Pessoa

21:30

Sessão Cinema Português Contemporâneo

Sala Vladimir Carvalho

The Lovebirds, de Bruno Almeida

Em Lisboa, no decorrer de uma noite, seis histórias desenrolam-se em si- multâneo. Um americano, cruza o seu olhar com uma garota e não resiste a persegui-la pelos becos de Alfama, na lembrança de um outro amor, a sua mulher, já falecida. Dois malandros dedicam-se a pequenos roubos e não sabem se querem ser amigos ou separar-se.

Um realizador de cinema faz um filme sobre boxe, sabendo que aquele será o seu último combate.

Um arqueólogo que um dia chegou a Lisboa, muitos anos depois, sem mes- mo à noite abandonar a sua escavação e o seu amigo que tenta pela última vez trazê-lo à vida. Um taxista emigrante apaixonado por uma prostituta, que assassina, para logo a seguir ajudar uma jovem a dar à luz.

Um piloto de aviões que, fora do matrimônio, acaba por se meter em situações embaraçosas…

Duração 80 minutos

23:00

Show

Tenda Música

Banda Troça Harmônica (PB)

Música sem estardalhaço.

Dia 05 - Sábado

17:00

Sessão Guimarães Capital da Cultura da Européia

Tenda Andorinha

Facínora, de Paulo Abreu

A história de um frade justiceiro, zelador da ordem e paladino do bem, que, por não ser correspondido pelos amores de uma mulher comprometida, se torna num vilão aterrorizador de uma pacata cidade.

Duração 27 minutos

Posfácio nas Confecções Canhão, de Antônio Ferreira

Posfácio trabalha na fábrica de confecções da Madame Canhão e namora com a sua filha Claudete. Duração 30 minutos

Duração 30 minutos

A Menina dos Olhos, de Regina Guimarães

O filme mostra a festa em devoção de Santa Luzia na cidade de Guimarães.

Duração 30 minutos

17:00

Sessão Cinema Contemporâneo África Lusófona

Sala Vladimir Carvalho

Caminhos da Paz, de Sol de Carvalho

O filme começa no principio do conflito armado pós-independência e termina no Acordo de Paz, descrevendo as origens do conflito dentro da situação geral internacional. Dia 5 de Abril – Sábado Guerra fria; situação na África Austral, marcada pelo Apartheid. Queda do muro de Berlim.

Duração 90 minutos

18:45

Sessão Cinema Contemporâneo Brasil

Tenda Andorinha

O Menino e o Mundo, de Alê Abreu

Sofrendo com a falta do pai, um menino deixa sua aldeia e descobre um mundo fantástico dominado por máquinas-bichos e estranhos seres.

Uma inusitada animação com várias técnicas artísticas que retrata as ques- tões do mundo moderno através do olhar de uma criança.

Duração 80 minutos

18:45

Sessão Retrospectiva Pedro Costa Homenageado - Troféu Humberto Mauro

Sala Vladimir Carvalho

Ossos, de Pedro Costa

Uma espécie de obra de luto em relação ao modo de produção clássico: 35mm, iluminação pesada, assistentes, tudo isso morre aqui.

Duração 98 minutos

20:30

Sessão Cinema Contemporâneo Brasil

Tenda Andorinha

Quase Samba, de Ricardo Targino

Na Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro, mora Teresa, uma cantora de samba, sem sucesso que acabou de ter um filho. Com dificuldades em arrumar trabalho, ela começa a trabalhar como aten- dente em uma cooperativa de taxi.

Quando tudo parecia ruim, ela reencontra um homem por quem já foi muito apaixonada, com quem se envolve.

Duração 90 minutos

20:45

Sessão Cinema Contemporâneo África Lusófona

Sala Vladimir Carvalho

Kadjike, de Sana N’Hada

Tal como no paraíso original, os habitantes do arquipélago Bijagós vivem de acordo com as tradições dos seus antepassados e em absoluto respeito pela natureza.

Certo dia chegam até traficantes de droga ocupando as suas ilhas sagradas deixando todos com receio.

Quando o feiticeiro da aldeia morre, tudo parece estar perdido, mas o seu jovem aprendiz aceita ser o sucessor e decide lutar contra os invasores para salvar a aldeia.

Duração 113 minutos

23:00

Show

Tenda Música

Osso Vaidoso (PT)

Arte sonora

23:45

DJ White Haus (PT)

Sala Vladimir Carvalho

Som das pistas européias para todo o mundo dançar.

Dia 06 - Domingo

15:00

Sessão Cinema Contemporâneo Brasil

Tenda Andorinha

Uma História de Amor e Fúria, de Luiz Bolognesi

O amor entre um herói imortal e Janaína, a mulher por quem é apaixonado há 600 anos. Como pano de fundo do romance, o longa de Luiz Bolognesi ressalta quatro fases da história do Brasil. A colonização, a escravidão, o Regime Militar e o futuro, em 2096, quando haverá guerra pela água. Destinado ao público jovem e adulto com traço e linguagem de HQ, o filme traz Selton Mello e Camila Pitanga dublando os protagonistas. O longa conta ainda com a participação de Rodrigo Santoro, na pele do chefe indígena e de um guerrilheiro.

Duração 75 minutos

15:00

Sessão Retrospectiva Pedro Costa Homenageado - Troféu Humberto Mauro

Sala Vladimir Carvalho

Casa de Lava , de Pedro Costa 
 
Casa de Lava acompanha a viagem da enfermeira Mariana (Inês Medeiros) à antiga colônia portuguesa de Cabo Verde. Mariana leva Leão, um operário cabo-verdiano que, após sofrer um acidente na construção em que trabalha, ganha direito de voltar, mesmo em coma, para sua terra natal.
 
Duração 110 minutos 

16:30

Sessão Cinema Contemporâneo África Lusófona

Tenda Andorinha

Hereros, de Sérgio Guerra

Os Hereros habitam as terras do sudoeste de Angola. São provenientes dos povos bantos, os Hereros são donos de uma tradição ancestral que é pas- sada oralmente de pais para filhos.

Duração 86 minutos

 

18:00

Sessão Cinema Contemporâneo Portugal

Sala Vladimir Carvalho

O Lago, de André Marques

Dois amigos caminham em direção ao lago, em direção de si mesmo.

Duração 31 minutos

Luminita, de André Marques

Dois irmãos, que não falaram em anos, se encontram no funeral de sua mãe, onde eles têm de lidar com a sua família enlutada, as suas obrigações como filhos e seus próprios sentimentos de perda.

Duração 20 minutos 

Canal, de Rita Nunes

Portugal, no dias que correm - em plena crise social e política, há um rapaz que decide mudar - escolhe ir viver para o campo, como Thoreau foi viver para o lago de Walden em meados do século XIX.

Duração 21 minutos

Menos Nove, de Rita Nunes

Esta curta metragem é baseada no livro “Crimes Exemplares” de Max Aub, que por sua vez, se inspirou em testemunhos reais que relatam crimes de uma forma direta.

Duração 12 minutos

19:00

Sessão Cinema Contemporâneo Brasil

Tenda Andorinha

Paixão e Virtude,
de Ricardo Miranda 


Mazza, uma aristocrata de meia idade, mantém um relacionamento frio e histérico, com seu marido - um rico banqueiro, porém, tudo se transforma, quando ela conhece o químico, Ernesto.

Duração 74 minutos

20:00

Sessão Cinema Contemporâneo África Lusófona

Sala Vladimir Carvalho

Por Aqui Tudo Bem, de Pocas Pascoal

No fim do verão de 1980, Alda e Maria, duas irmãs de 16 e 17 anos, chegam a Lisboa para fugir da guerra civil em Angola. Entregues a si próprias, terão de aprender a sobreviver numa cidade estrangeira. Quando os problemas se tornam quase insuperáveis, chega uma terrível notícia.

Duração 94 minutos

20:30

Sessão Cinema Contemporâneo Portugal

Tenda Andorinha

Versailles, de Carlos Conceição

Uma senhora numa cadeira de rodas e um adolescente chegam a uma cabana de praia onde, através de escassos momentos de lucidez, ela vai persuadi-lo a matá-la.

Duração 20 minutos.

 

Lura, de Luís Brás

Manuel isola-se no campo numa antiga casa de família agora abandonada. Neste lugar longe do mundo, o passado invade o presente e suspende o futuro.

Duração 79 minutos

 

21:45

Show

Tenda Música

Os Trilhas (PB)

O som do cinema.

Dia 07 - Segunda-feira

09:00

Andorinha Criança

Sala Vladimir Carvalho

O Menino e o Mundo, de Alê Abreu

Sofrendo com a falta do pai, um menino deixa sua aldeia e descobre um mundo fantástico dominado por máquinas-bichos e estranhos seres. Uma inusitada animação com várias técnicas artísticas que retrata as questões do mundo moderno através do olhar de uma criança.

Duração 80 minutos

17:00

Sessão Guimarães Capital da Cultura da Europa

Tenda Andorinha

Torres & Cometas, de Gonçalo Tocha

Como anuncia o seu título astronômico, Tocha atinge a cidade e procura a origem de um novo reino em vestígios. Figuras de santos, monumentos, marcos históricos e música que se faz ouvir no espaço conquistado.

Duração 60 minutos


 

A Mesa Ferida, de Marcos Barbosa

Um grupo de atores mexicanos viaja até à cidade de Guimarães para apresentar a sua versão teatral de Frida Kahlo. Entre desentendimentos culturais e o desejo de um encontro verdadeiro, ergue-se a importância da palavra e da razão de a dizer.

Duração 23 minutos

17:00

Sessão Andorinha Curta Metragem

Sala Vladimir Carvalho

Vamos Tocar Juntos Para Ouvirmos Melhor, de Tiago Pereira (PT)

Duração 26 minutos

Sobre Viver, de Cláudia Alves (PT)

Duração 51 minutos

O canto da rocha, de Helvécio Marins Jr (PT) 

Duração 25min

19:00

Sessão Troféu Andorinha - Melhor Atriz – Rita Durão

Tenda Andorinha

A Vingança de Uma Mulher, de Rita Azevedo

Um lugar na Europa, séc. XIX. Roberto é um “boa vida”. A sua vida é levada entre o aborrecimento e as tentativas frustradas de fugir dele.

Duração 87 minutos

19:00

Sessão Andorinha Curta Metragem

Sala Vladimir Carvalho

Gambozinos, de João Nicolau (PT)

Duração 20 minutos

A Descoberta, de Ernesto Molinero (BR)

Duração 17 minutos

Tejo Mar, de Bernard Lessa (BR)

Duração 22 minutos

Solo, Mariana Gaivão (PT)

Duração 21 minutos

Carosselo, de Jorge Quintela (PT)

Duração 7 minutos

Água para Tabatô, de Paulo Carneiro (GB)

Duração 45 minutos

19:30

Lançamento de Livros

Livraria Usina Cultural Energisa

20:30

Sessão Troféu Andorinha Melhor Atriz Coadjuvante – Rosa Mário

Tenda Andorinha

Virgem Margarida, de Licínio Azevedo

1975, Moçambique. A revolução limpa as ruas, tirando as prostitutas e os bordéis da capital. As mulheres são levadas para um campo de reeducação em uma região no norte do país.

Duração 127 minutos

20:45

Sessão Cinema Contemporâneo Portugal

Sala Vladimir Carvalho

Werther Effect, de João Pedro Vale e Nuno Alexandre Ferreira

“Os Sofrimentos do Jovem Werther” e não só se desenvolve em torno do seu enredo, um conjunto de pressupostos enunciados por Goethe, como a sua teoria da cor e a relação do autor com a cidade de Weimar.

Duração 85 minutos

22:00

Prêmio Energisa Estímulo ao Audiovisual Paraibano

Sala Vladimir Carvalho

Não Tão Longe, de Ian Abé

Duração 14 min

A Queima, de Diego Benevides

Duração 13 min Ato Institucional, de Helton Paulino

Duração 20 min

22:00

Prêmio Energisa Estímulo ao Audiovisual Paraibano

Sala Vladimir Carvalho

Não Tão Longe, de Ian Abé

Duração 14 min

A Queima, de Diego Benevides

Duração 13 min  

Ato Institucional, de Helton Paulino

Duração 20 min

Além do Túnel, de Natan Pedroza

Duração 16 min

Abúzu, de Cecília Bandeira

Duração 20 min

Sophia, de Kennel Rógis

Duração 15 min 

O Desejo do Morto, de Ramon Porto Mota

Duração: 33 min

23:00

Show

Tenda Música

Os Gonzagas (PB)

Forró eterno.

Dia 08 - Terça-feira

09:00

Andorinha Criança

Sala Vladimir Carvalho

Uma História de Amor e Fúria, de Luiz Bolognesi

O amor entre um herói imortal e Janaína, a mulher por quem é apaixonado há 600 anos. Como pano de fundo do romance, o longa de Luiz Bolognesi ressalta quatro fases da história do Brasil. A colonização, a escravidão, o Regime Militar e o futuro, em 2096, quando haverá guerra pela água.

Duração 75 minutos

17:00

Sessão Prêmio Energisa Estímulo ao Audiovisual Paraibano

Tenda Andorinha

Amador, de Nathan Cirino

Duração 15 min

Capela, de Ramon Batista

Duração 14 min

Monturo Invisível, de Leonardo Gonçalves da Silva

Duração 15 min

O Matador de Ratos, de Arthur Lins

Duração 32 min  

Terça O Terceiro Velho, de Marcus Vilar

Duração 15 min

A Cópia, de Rodolpho Cavalcanti de Barros

Duração 07 min

17:00

Sessão Cinema de Animação GUIANIMA

Sala Vladimir Carvalho

Desenhos Animados Portugueses

Palestra da curadora da mostra Manuela Silva

Participação Sávio Leite, David Doutel e Vasco Sá.

Os Olhos do Farol, de Pedro Serrazina

Duração 15 minutos

A Única Vez, de Nuno Amorim

Duração 7 minutos

Viagem a Cabo Verde, de José Miguel Ribeiro

Duração 18 minutos

O Sapateiro, de David Doutel e Vasco Sá

Duração 12 minutos

Fado de um Homem Crescido, de Pedro Brito

Duração 8 minutos 

Independência do Espírito, de Marta Monteiro

Duração 10 minutos

Vacas, de Isabel Aboím

Duração 10 minutos

A Meio da Noite, de Fernando Saraiva

Duração 17 minutos

Mi Vida In Tu Manos, de Nuno Beato

Duração 9 minutos

19:00

Lançamento de Livros

Livraria da Usina Cultural Energisa

19:00

Sessão Troféu Andorinha

Tenda Andorinha

Melhor Som - Catharina Apolônio (edição de som), Ricardo Cutz, Kle- ber Mendonça (sound designer), Carlos Montenegro (Mixagem), Gera Vieira (Mixagem)

O Som ao Redor, de Kleber Mendonça Filho

A presença de uma milícia em uma rua de classe média na zona sul do Recife muda a vida dos moradores do local. Ao mesmo tempo em que alguns comemoram a tranquilidade trazida pela segurança privada, outros passam por momentos de extrema tensão. Ao mesmo tempo, casada e mãe deduas crianças. Bia (Maeve Jinkings) tenta encontrar um modo de lidar com o barulhento cachorro de seu vizinho.

Duração 131 minutos

 

19:00

Sessão Andorinhas Curta – Animação

Sala Vladimir Carvalho

Kali, o Pequeno Vampiro, de Regina Pessoa (PT)

Duração 10 minutos

Linear, de Amir Admoni (BR)

Duração 6 minutos

M, de Joana Bartolomeu (PT)

Duração 8 minutos

O Refugiado, de Rui Cardoso (PT)

Duração 13 minutos

Fado do Homem Crescido, de Pedro Brito (PT)

Duração 8 minutos

Macacos me Mordam, de César Maurício e Sávio Leite (BR)

Duração 9 minutos

Canotrofe, de Paulo D`Alva (PT)

Duração 8 minutos

Do Céu e da Terra, de Isabel Aboim Inglez (PT)

Duração 14 minutos

Saturno, de Sávio Leite e Clécius Rodrigues (BR)

Duração 9 minutos

Outro Homem Qualquer, de Luís Soares (PT)

Duração 11 minutos

21:30

Sessão Cinema Contemporâneo Brasil

Tenda Andorinha

Feio, Eu?, de Helena Ignez

Filme manifesto, Feio, Eu? foi realizado a partir de uma oficina para atores. Realizada na Lapa, Rio de Janeiro, no espaço do Cinema Nosso, estendeu- se em locações em Paris e Índia. Multifacetado como um caleidoscópio, o filme foi realizado com diversas mídias de captação de imagens e usa esse signo da variedade como conceito primordial.

Duração 70 minutos

 

21:30

Sessão Cinema Contemporâneo África Lusófano

Sala Vladimir Carvalho

Rastro, de César Schofield Cardoso

Os resíduos sólidos, vulgo lixo, é das grandes preocupações ambientais em Cabo Verde, ao mesmo nível que a disponibilidade de água e a biodiversi- dade marinha e terrestre.

Duração 80 minutos

23:00

Show

Tenda Música

Seu Pereira e Coletivo 401 (PB)

Modernos e arretados.

Dia 09 - Quarta-feira

09:00

Andorinha Criança

Sala Vladimir Carvalho

Tainá, A Origem, de Rosane Svartman

Piratas da biodiversidade invadem a área da floresta amazônica onde vive Maya, jovem índia que é vítima do ataque predatório, deixando orfã a bebê Tainá (Wiranu Tembé).

Abrigada entre as raízes da Grande Árvore (sapopema), a criança é salva e criada pelo velho e solitário pagé Tigê.

Duração 80 minutos

16:30

Sessão Cinema de Animação GUIANIMA

Sala Vladimir Carvalho

Interstícios – Marina Estela Graça

Duração 6 minutos

Cândido – Zepe

Duração 12 minutos

Pássaros – Filipe Abranches

Duração 6 minutos

Homem da Cabeça de Papelão – Pedro Lino

Duração 9 minutos

Clandestino – Abi Feijó

Duração 7 minutos

História Trágica Com Um Final Feliz – Regina Pessoa

Duração 7 minutos

Com Uma Sombra na Alma – Fernando Galrito

Duração 10 minutos

Smolik– Cristiano Mourato

Duração 9 minutos

17:00

Prêmio Energisa Estímulo ao Audiovisual Paraibano

Tenda Andorinha

O Vendedor de Armas, de Erik Medeiros

Duração: 1 min

Cova Aberta, de Ian Abé

Duração: 20 min

Púrpura, de Tavinho Teixeira

Duração: 19 min

Contínuo, de Odécio Antonio

Duração 16 min

Dito, de José Dhiones Nunes

Duração: 3 min

O Lendário Escritor de Frases do Biscoito da Sorte, de Marcelo Gonçalves

Duração: 23 min

Gatilho de Prata, de Bruno de Sales

Duração: 18 min

Nascedouro, de  Bernardo Teodorico

Duração:

17:45

Sessão Andorinha Curta Documentário

Sala Vladimir Carvalho

A Comunidade, de Salomé Lamas [PT]

Duração: 23 min

Monumento, de Gregório Graziosi [BR]

Duração: 10 min

A Rua da Estrada, de Graça Castanheira [PT]

Duração: 25 min

Cinzas, Ensaio Sobre o Fogo, de Pedro Flores [PT]

Duração: 18 min

Quem Tem Medo de Cris Negão?, de Renê Guerra [BR]

Duração: 25 min

19:00

Sessão Troféu Andorinha

Tenda Andorinha

Melhor Direção de Arte - Juliana Ribeiro

Cine Holliúdy, de Halder Gomes

Interior do Ceará, década de 1970. A popularização da TV permitiu que os habitantes da cidade desfrutassem de um bem até então desconhecido. Porém, o televisor afastou as pessoas dos cinemas. É aí que Francisgleydisson entra em ação. Ele é o proprietário do Cine Holiúdy, um pequeno cinema da cidade que terá a difícil missão de se man- ter vivo como opção de entretenimento.

Duração 91 minutos

19:00

Lançamento de Livros

Livraria da Usina Cultural Energisa

19:15

Sessão Troféu Andorinha

Sala Vladimir Carvalho

Troféu Andorinha Melhor Documentário – Adirley Queiroz

A Cidade é Uma Só, de Adirley Queirós

Além de Brasília, são cinco os personagens principais da história. Nancy narra um passado que se repete desde a origem da capital: a especulação territorial/imobiliária. Dandara mora em Águas Lindas de Goiás e tem o so- Dia 9 de Abril – Quarta nho de mudar para o Plano piloto de Brasília.

Duração 73 minutos

20:00

Teatro

Jardins do Cineport (próximo ao bondinho)

A Tabacaria, com Vitor Correia

O ator português Vitor Correia encena poema de Álvaro de Campos, um dos mais famosos heterónimos de Fernando Pessoa. A Tabacaria é considerado um dos poemas mais importantes do século XX pelo escritor italiano Antônio Tabucchi.

20:45

Sessão Andorinha Curta Metragem

Sala Vladimir Carvalho

Manhã de Santo António, de João Pedro Rodrigues (PT)

Duração 25 minutos

Má Raça, de André Santos e Marco Leão (PT)

Duração 20 minutos

Prazeres, de Erasmo Alcântara (BR)

Duração 20 minutos

Ao Lobo da Madragoa, de Pedro Bastos (PT)

Duração 7 minutos

Poder dos Afetos, de Helena Ignez (BR)

Duração 30 minutos

Moshanyana e Postal da Baía Mlpfumos de Rui Tenreiro (MZ)

Duração 6 minutos

20:45

Sessão Cinema Contemporâneo Brasil

Tenda Andorinha

Olho Nú, de Joel Pizzini

Filme-ensaio que retrata a vida e a obra de Ney Matogrosso a partir de um conjunto de imagens e sons reunidos pelo artista, em contraponto com seqüências atuais. Num espetáculo sobre o percurso musical de Ney Mato- grosso, o longa evoca sua história nos palcos e na vida cotidiana.

Duração 101 minutos

22:45

Teatro

Sala Vladimir Carvalho

Galeria 1 - 21h

Female, vídeo/performance sobre a mulher e a provocação, de Tânia Dinis.

 

23:30

Performance

Tenda Música

Lohanny Lorenzzi - África

A África, o pulmão espiritual do mundo. Continente de humanismo fresco, com um histórico de força e reserva de vida para um futuro no qual podemos confiar.

Duração 6 minutos

23:30

Show

Tenda Música

Show Star 61 (PB)

Irreverência e atitude.

Dia 10 - Quinta-feira

09:00

Andorinha Criança

Sala Vladimir Carvalho

Brichos II - A Floresta é Nossa, de Paulo Munhoz

A história é ambientada em três lugares. Em Noforest, um tamanduá e seu filho vivem aventuras no deserto. Um filhote de joão-de-barro vai fazer inter- câmbio nos Estados Unidos e enfrenta o frio de Iceforest. No verão do Brasil, um quati e um jaguar se esbaldam em férias na Vila dos Brichos - este recanto ecológico, porém, ficará ameaçado com a aparição de dois vilões, dublados por Marcelo Tas e Antonio Abujamra.

Duração 83 minutos

16:00

Sessão Curtas Cabo Verde

Sala Vladimir Carvalho

Ulime, de Tambla Almeida

Na secura da paisagem saheliana, Blimunde, boi-gente, sofre os tormentos da canga que já não existe e da falta de recursos que ainda subsiste.

Duração 19 minutos

Terra Longe, de Nenass Almeida e Nuno de Pina

Terra longe é uma expressão própria da emigração CaboVerdiana que rev- ela a distancia que sentem os emigrantes no seu “exílio” ao mesmo tempo que expressa a construção de uma nova terra lá longe, onde se está.

Duração: 13 minutos

16:30

Prêmio Energisa Estímulo ao Audiovisual Paraibano

Tenda Andorinha

Ilha, de Ismael Moura

Duração: 15 min

Leprosário, de Luís Barbosa

Duração: 11 min

Malha, de Paulo Roberto Duração: 14 min

Inominável, de Felipe Lavorato

Duração: 12 min

Negra Morte, Morte negra, de Ricardo Migliore

Duração: 25 min

Cancha, de Luciano Mariz

Duração: 18 min

17:00

Sessão Andorinha Curta

Sala Vladimir Carvalho

Tremor, de Ricardo Alves Jr. (BR)

Duração 14 minutos

Dentro, de Bruno Autran (BR)

Duração 15 minutos

Mulher do Mar, de Filipe Pinto e Pedro Pinto (PT)

Duração 20 minutos

Pouco Mais de Um Mês, de André Novais Oliveira (BR)

Duração 22 minutos

Colostro, de Cainan Baladez e Fernanda Chicolet (BR)

Duração 15 minutos

O Melhor Amigo, de Allan Deberton (BR)

Duração 17 minutos

18:15

Sessão Troféu Andorinha

Tenda Andorinha

Melhor Figurino - Rubens Barbot e Gatto Larsen 

Esse Amor Que Nos Consome, de Allan Ribeiro

Eles acabam de se mudar para um casarão abandonado no centro da ci-dade, onde ensaiam com sua companhia de dança.

Duração 80 minutos

19:00

Lançamento de Livros

Livraria da Usina Cultural Energisa

19:00

Troféu Andorinha

Sala Vladimir Carvalho

Melhor Ator – Jesuíta Barbosa

Tatuagem, de Hilton Lacerda

Recife, 1978. Clécio Wanderley é o líder da trupe teatral Chão de Estrelas, que realiza shows repletos de deboche e com cenas de nudez.

Duração 110 minutos

19:45

Sessão Cinema Contemporâneo Brasil

Tenda Andorinha

Exilados do Vulcão, de Paula Gaitán

*melhor filme do Festival de Brasilia 2013

Uma mulher sofre com a perda do homem amado. Um incêndio em sua casa destrói diversos objetos, mas fotos e um diário escrito por ele são resgatados.  Com esses elementos em mão, ela decide percorrer o mesmo caminho feito por ele.

Duração 125 minutos

21:00

Andorinha Curta Metragem

Sala Vladimir Carvalho

O Calço da Mesa, de João Vargas Penna (BR)

Duração 15 minutos

Mwany, de Nivaldo Vasconcelos (BR)

Duração 19 minutos

1962: O Ano do Saque, de Rodrigo Dutra e Vítor Ferreira (BR)

Duração 44 minutos

Filme Para Poeta Cego, de Gustavo Vinagre (BR)

Duração 25min

22:00

Show

Tenda Música

Carminho (PT)

Diva portuguesa com certeza.

22:45

Sessão Cinema Contemporâneo Portugal

Sala Vladimir Carvalho

Canal , de Rita Nunes – 23 minutos

Luminita, de André Marques – 20 minutos

Werther Effect, de João Pedro Vale e Nuno Alexandre Ferreira

“Os Sofrimentos do Jovem Werther” e não só se desenvolve em torno do seu enredo, um conjunto de pressupostos enunciados por Goethe, como a sua teoria da cor e a relação do autor com a cidade de Weimar.

Duração 85 minutos

Dia 11 - Sexta-feira

09:00

Andorinha Criança

Sala Vladimir Carvalho

Meu Pé de Laranja Lima, de Marcos Bernstein

Zezé é um garoto de oito anos que, apesar de levado, tem um bom coração. Ele leva uma vida bem modesta, devido ao fato de que seu pai está desem- pregado há bastante tempo...

Duração 83 minutos

16:00

Sessão Guimarães Capital da Cultura

Sala Vladimir Carvalho

O Dom das Lágrimas, de João Nicolau Luz, de João Lopes

Duração: 26 min

O Corpo de Afonso, de João Pedro Rodrigues

Duração 84 minutos

16:00

Tenda Andorinha Sessão Troféu Andorinha

Tenda Andorinha

Melhor Fotografia – Walter Carvalho

Educação Sentimental, de Júlio Bressane

Áurea é uma professora solitária que inicia uma estranha relação com um  jovem que conheceu por acaso.

Duração 94 minutos

18:00

Lançamento de Livros

Livraria da Usina Cultural Energisa

18:30

Sessão Troféu Andorinha

Sala Vladimir Carvalho

Melhor Roteiro – João Viana

A Batalha de Tabatô, de João Viana

Depois de anos a viver em Portugal, o pai de Fatu regressa a África para assistir ao casamento da filha com Idrissa Djebaté. Ela é professora universitária e seu futuro marido é um músico conhecido.

Duração 78 minutos

19:00

Sessão Troféu Andorinha Documentário

Tenda Andorinha

Melhor Fotografia – Pedro Patrocínio

I Love Kuduro, de Mário Patrocínio Kuduro (literalmente “cu duro”) é um movimento cultural urbano, criado nas discotecas e raves da Baixa de Luanda, através da mistura de batidas house e techno com ritmos tradicionais angolanos. As mais idolatradas estrelas deste fenômeno urbano que hoje arrasta multi- dões de jovens africanos e se espalhou por todo o mundo.

Duração 95 minutos

20:00

Teatro

Jardim Usina Cultural

A Tabacaria de Álvaro de Campos por Vitor Correia

Participação especial de músicos e cenografia de João Pessoa

20:00

Sessão Cinema Contemporâneo África Lusófano

Sala Vladimir Carvalho

Bissau d’ Isabel, de Sana Na N’Hada

Bissau é a cidade capital da Guiné onde se aglutina e funde o mosaico étnico-cultural do país. Cerca de 21 etnias com culturas e línguas por vezes totalmente distintas. 


Duração 84 minutos

20:45

Sessão Troféu Andorinha

Tenda Andorinha

Melhor Filme – Caetano Gotardo

O Que Se Move, de Caetano Gotardo

Três famílias distintas estão tendo que lidar com a chegada - ou perda - de Dia 11 de Abril – Sexta um filho, fato que causa uma mudança muito significante em suas rotinas. Cada núcleo irá lidar com as dores e alegrias à sua própria maneira, mas o amor sempre irá falar mais alto através da figura da mãe, mesmo que isso se expresse nas pequenas coisas do dia-a-dia.

Duração 97 minutos

22:00

Sessão Guimarães Capital da Cultura

Tenda Andorinha

8816, Sofia Marques

Diz-se que Camões terá demorado cerca de 20 anos a escrever os 8816 versos que compõem Os Lusíadas. António Fonseca dedicou 4 anos da sua vida a torná-los seus.

Duração 54 minutos

23:00

Cerimônia de Premiação VI CINEPORT

Sala Vladimir Carvalho

Lula Pena (PT)

Diva portuguesa com certeza

23:00

Show

Tenda Música

DJ Mike Stellar (PT)

O som das pistas europeias com tempero africano

Dia 12 - Sábado

16:00

Sessão Troféu Andorinha Documentário

Sala Vladimir Carvalho

Melhor Filme – Joaquim Pinto

E agora? Lembra-me, de Joaquim Pinto

Centrado no próprio realizador, que convive há 20 anos com o VIH. É um bloco notas cinematográfico de um ano de ensaios clínicos em Espanha com drogas tóxicas e ainda não aprovadas para o vírus da
hepatite C.

Duração 180 minutos

17:00

Sessão Guimarães Capital da Cultura

Tenda Andorinha

Memórias do Cárcere, de Tiago Afonso

Sessão de filmes feitos pelos reclusos da prisão de Guimarães

Duração 90 minutos

19:00

Melhor Edição – Telmo Chamurro e Miguel Gomes / Melhor Diretor – Miguel Gomes

Sala Vladimir Carvalho

Tabu, de Miguel Gomes

Um narrador, Miguel Gomes, em voz over, lê um texto poético e algo filosó- fico que invoca uma lenda em que o Criador ordena mas em que o coração  comanda: o suicídio de um intrépido explorador que, em terras de África, noutros tempos, se suicida lançando-se para as águas turvas de um rio onde será devorado por um crocodilo.

Duração 118 minutos

19:00

Sessão Cinema Contemporâneo Brasil

Tenda Andorinha

Hoje Eu Quero Voltar Sozinho, de Daniel Ribeiro Leonardo, um adolescente cego, busca a independência e descobre mais sobre sua sexualidade ao se apaixonar por um colega de classe.

Duração 96 minutos

*Melhor filme da Sessão Panorama e vencedor do Troféu Teddy do Fes- tival de Berlim.

20:45

Estréias do Cinema Paraíbano

Tenda Andorinha

Bodas de Aruanda, de Chico Sales

Bodas de Aruanda aborda a construção da religiosidade afro-brasileira na Paraíba, a partir da atividade do Centro Espírita de Umbanda Pai Tertu- liano, que no ano de 2013 completou 50 anos de funcionamento. Valendo-se das narrativas de integrantes do corpo mediúnico desta casa, e de visitantes frequentes, a proposta deste documentário é de resgatar as histórias orais acerca deste importante espaço religioso, apreendendo as manifestações do seu campo simbólico, no sentido de compreender o que faz deste recinto um lugar tão especial.

Duração 26 minutos

Bat-Guano, de Tavinho Teixeira

Éramos então um só ser duplo vivo transformado com duas cabeças pen- sando e logo nos tornamos símbolo da perfeição do novo ser em sua máxi- ma evolução e potência e desejo e vontade e expansão e começamos a viajar pelo universo por todas as galáxias divulgando nossa dupla de re- pentistas punk-rock completos porque a Terra havia ficado pequena demais para nós dois.

Duração 95 minutos

21:00

Sessão Guimarães Capital da Cultura da Europa

Sala Vladimir Carvalho

1960, de Rodrigo Areias

Duração 60 minutos

22:00

Sessão Cinema Contemporâneo África

Sala Vladimir Carvalho

República Di Mininus, de Flora Gomes

Num país sem nome, algures no continente africano, as crianças foram abandonadas à sua sorte. Por causa disso, uniram-se, criando a República de Mininos, onde cada uma cumpre o seu papel numa sociedade inventada, com vista à sobrevivência de todos. Nesse lugar, união, respeito e harmonia são deveres inestimáveis.

Duração 78 minutos

22:30

Show

Tenda Música

Cabruêra (PB)

Mó Sonzêra.

Dia 13 - Domingo

15:00

Sessão Cinema Contemporâneo África Lusófona

Sala Vladimir Carvalho

 Hereros, de Sergio Guerra

Os Hereros habitam as terras do sudoeste de Angola. São provenientes dos povos bantos, os Hereros são donos de uma tradição ancestral que é pas- sada oralmente de pais para filhos.

Duração 86 minutos

16:00

Estréias do Cinema Paraíbano

Tenda Andorinha

Aparição, Jacinto Moreno.

O filme retrata o milagre de Nossa Senhora de Fátima a três pastorinhos quando ela revela o segredo e pede para nunca seja divulgado.

Duração 70 min

17:00

Filme vencedor do Troféu Andorinha Criança

Tenda Andorinha

Meu Pé de Laranja Lima, de Marcos Bernstein

Zezé é um garoto de oito anos que, apesar de levado, tem um bom coração. Ele leva uma vida bem modesta, devido ao fato de que seu pai está desem- pregado há bastante tempo...

Duração 83 minutos

17:00

Sessão Guimarães Capital da Cultura da Européia

Sala Vladimir Carvalho

O Berço Imperfeito, de Mário Ventura

Duração: 15 min

Onde a Estrada Acaba, Novais Teixeira

Duração: 23 min

Uma semana em Guimarães, Novais Teixeira

Duração: 50 min

Escala, de Fábio Panela

Duração: 23 min

Lixo & Co. de David Ferreira

Duração: 10 min

19:00

Troféu Andorinha Documentário

Sala Vladimir Carvalho

Melhor Montagem Gonçalo Tocha

A Mãe e o Mar, de Gonçalo Tocha

A história das mulheres pescadeiras da praia de Vila Chã, nos arredores de Vila do Conde

Duração 70 minutos

19:30

Troféu Andorinha

Tenda Andorinha

Melhor Filme – Caetano Gotardo

O Que Se Move, de Caetano Gotardo

Três famílias distintas estão tendo que lidar com a chegada - ou perda - de um filho, fato que causa uma mudança muito significante em suas rotinas. Cada núcleo irá lidar com as dores e alegrias à sua própria maneira, mas o amor sempre irá falar mais alto através da figura da mãe, mesmo que isso se expresse nas pequenas coisas do dia-a-dia.

Duração 97 minutos

20:30

Sessão Filmes Vencedores Cineport

Sala Vladimir Carvalho

Troféu Andorinha Curta/Troféu Andorinha Média

 

Linear, de Amir Admoni, (Prêmio Andorinha Animação)

Duração 6 minutos

A Comunidade, de Salomé Lamas (Prêmio Andorinha Documentário)

Duração 23 min

Mulher Mar, de Filipe Pinto e Pedro Pinto (Prêmio Andorinha Ficção)

Duração 20 minutos

 

Prêmio Energisa Estímulo ao Audiovisual Paraibano 

 

Capela, de Ramon Batista (Menção Honrosa)

Duração 14 minutos

Desejo do Morto, de Ramon Porto da Mota (Prêmio Energisa)

Duração 33 minutos

21:15

Sessão Cinema Contemporâneo Brasil

Tenda Andorinha

Hoje Eu Quero Voltar Sozinho, de Daniel Ribeiro Leonardo, um adolescente cego, busca a independência e descobre mais sobre sua sexualidade ao se apaixonar por um colega de classe.

Duração 96 minutos

*Melhor filme da Sessão Panorama e vencedor do Troféu Teddy do Fes- tival de Berlim.

 

21:30

Sessão Guimarães Capital da Cultura Européia

Sala Vladimir Carvalho

O Tempo passado é já o tempo Futuro,  de Jorge Campos

54 minutos

Raul Brandão era um grande Escritor,  de João Canijo

34 minutos

  • incentivo
  • patrocinio

    logo_patrocinio
  • Realização

    fojblogo
  • mincultura

    cineport na rede

    linhafooter