header

Notícias

  • 'Animação “Linear” conta história de mini ser, diretor revela auto referência '

    13 / 04 / 2014

    O Curta “Linear”, de Amir Admoni, que ganhou o Troféu Andorinha Curta, pela melhor Animação, será reexibido neste domingo, 13, na Sessão Ganhadores, na sala Vladimir Carvalho a partir das 20h30. O diretor revelou que a inspiração para fazer a história partiu de sua própria vivência e as exigências que ele sentia frente ao futuro.

    O diretor, que é designer e artista visual, compara a sua arte ao trabalho de um ser de dois centímetros. A inspiração de Amir Admoni para Linear foi a própria arte de animar.

    Segundo Admoni, a ideia do curta Linear surgiu quando voltou a morar em São Paulo depois de ter morado 5 anos em Buenos Aires e Amsterdã, para ele cidades pequenas se comparadas com São Paulo. De volta a Sampa, começou a se questionar qual a sua relevância como habitante numa cidade daquele tamanho.

    “As demandas que a cidade traz acabam também cerceando sua liberdade, você não pode apenas seguir o seu caminho. A sensação é de que o “correto” é seguir a vida pré-programada e segura. E a partir destes sentimentos que surge um roteiro de um protagonista de 2cm de altura cujo trabalho é pintar as faixas que separam as pistas das ruas, seguir essa linha reta e invisível mas que tem que ser traçada, num cotidiano monótono e repetitivo. O projeto foi selecionado no Prêmio Estímulo da Secretaria de Cultura de São Paulo, e a partir daí começou o longo processo de meses de produção e pós-produção. E enquanto passava os dias animando e compondo as cenas, curiosamente fui me identificando cada vez mais com a tarefa do mini ser”, revela.

    O diretor contou que agora está começando uma série no Canal Brasil de animação que estreia na metade do ano e um novo curta que, se Deus quiser, diz, estará pronto na metade de 2015. “Mas demora”, avalia.

    Em relação a premiação recebida no Cineport, Admoni afirma que receber um premo é sempre gratificante, não importa que o filme já tenha recebido outros. “Os jures são diferentes é sempre bom saber que o filme vai atingindo sempre pessoas diferentes. Ele abrange um leque bem diferenciado, cada jure tem uma cabeça, uma subjetividade. Não importa se ele já ganhou os outros, é sempre uma alegria”, conta.

    Amir Admoni, realizador da animação "Linear"

    Entre os prêmios recebidos pela animação estão: Melhor animação no festival de Tapiales, na Argentina, Festival Goiamum Audiovisual de Natal, Linear foi premiado como melhor som novamente e melhor direção, Melhor som e melhor roteiro no VIII Curta Canoa, Prêmio de melhor curta experimental, desta vez diretamente de Miracema, no Tocantins. Prêmio Melhor Filme no Festival Anima Mundi de São Paulo.

    Confira o trailer da animação:

     

     

  • incentivo
  • patrocinio

    logo_patrocinio
  • Realização

    fojblogo
  • mincultura

    cineport na rede

    linhafooter