header
João Pessoa

João Pessoa: Em 2014, o Festival CINEPORT está de volta a João Pessoa, capital do estado da Paraíba. Nossos convidados terão um verdadeiro privilégio de estar em uma das cidades mais bonitas do Brasil. Arborizada, ensolarada e com grandes extensões de praias paradisíacas, conta com a afamada hospitalidade do povo paraibano, além de guardar ricos tesouros culturais que tanto encantam seus visitantes.

A Fundação Ormeo Junqueira Botelho, entidade promotora do Festival, mantém bem no coração da cidade um belíssimo e charmoso espaço cultural, conhecido como Usina Cultural Energisa. Funcionando em grandes galpões industriais do início do século XX, o amplo espaço abriga a sede do CINEPORT.

Assim como nas edições do Festival CINEPORT dos anos de 2007, 2009 e 2011, a Usina Cultural Energisa vai concentrar toda a estrutura do evento: salas de exibição, oficinas, restaurante, praça de alimentação e área para as apresentações musicais. Os cinéfilos poderão desfrutar ainda do aconchegante Café, que, funcionando até altas horas, oferece toda comodidade para quem gosta da boa conversa sobre cinema e afins.

Secretaria Estadual de Turismo :
http://www.pbtur.pb.gov.br

Secretaria Municipal de Turismo:
http://www.joaopessoa.pb.gov.br/secretarias/setur

O Festival Cineport

Com realização da Fundação Cultural Ormeo Junqueira Botelho, o 6° CINEPORT - Festival de Cinema de Países de Língua Portuguesa acontecerá na cidade de João Pessoa, Paraíba, Brasil, entre os dias 04 a 13 de abril. O Festival tem como principais objetivos:

- Integrar o mercado cinematográfico dos países de língua portuguesa, promovendo os filmes realizados em português e nos dialetos falados nas nações africanas que formam a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa-CPLP, bem como reunir personalidades ligadas ao audiovisual desses países, com intuito de estimular o intercâmbio cultural, promover encontros, seminários, painéis, debates, conferências, mostras, lançamentos de publicações, DVDs, filmes e vídeos.

O Festival é composto de mostras competitivas de longa e curta metragens, em diversas categorias; mostra homenagem a personalidades do cinema do Brasil, Portugal e África, além de mostra infantil. O Festival concede os troféus: Andorinha Longa Metragem, Andorinha Curta Metragem, Andorinha Técnica, Andorinha Criança e Humberto Mauro. O Festival promove também o Prêmio Energisa Estímulo ao Audiovisual Paraibano, voltado exclusivamente para filmes produzidos e realizados no estado da Paraíba por equipes paraibanas e diretores residentes no estado. Os vencedores do Troféu Andorinha Longa Metragem e Humberto Mauro são previamente escolhidos por um júri composto por membros dos países da CPLP.

O CINEPORT teve sua primeira edição realizada no Brasil, entre os dias 01 e 12 de junho de 2005, na cidade de Cataguases, Estado de Minas Gerais.

Em 2006, o 2o CINEPORT realizou-se na cidade de Lagos, no Algarve, região sul de Portugal, entre os dias 01 e 11 de junho, com a parceria fundamental da Câmara de Lagos.

Em 2007, o 3° CINEPORT foi realizado entre os dias 4 de maio a 13 de maio, na cidade brasileira de João Pessoa, no Estado da Paraíba — em função de um convênio assinado entre a Fundação Ormeo Junqueira Botellho, entidade promotora do CINEPORT, a Fundação Cultural de João Pessoa – Funjope e o Governo da Paraíba. Com isso, a partir desta edição, o Festival CINEPORT passou a ser realizado bienalmente na capital paraibana.

Em 2008, alternando com a realização do Festival CINEPORT, a Fundação Ormeo Junqueira Botellho lançou o Festival Ver e Fazer Filmes – Edição CINEPORT, voltado para formação e produção audiovisual. Realizada na cidade de Cataguases, Minas Gerais, sua primeira edição aconteceu entre os dias 3 e 13 de dezembro.

O 4° CINEPORT foi, novamente, realizado em João Pessoa, na Paraíba, entre os dias 1 e 10 de maio de 2009. O festival repetiu o grande sucesso das edições anteriores e entrou definitivamente para o calendário cultural do estado.

Em 2010, foi realizada a segunda edição do Festival Ver e Fazer Filmes – Edição CINEPORT com a participação de coletivos de produção de Cabo Verde, Portugal, Moçambique e Angola, assim como das universidades brasileiras PUC-Minas e UFBA.

Entre os dias 19 e 25 de setembro de 2011, foi realizada a 5ª edição do CINEPORT, novamente na cidade de João Pessoa. Cabo Verde foi o país homenageado do festival.

Uma nova edição do Festival Ver e Fazer Filmes foi realizada em 2012, em Portugal, na cidade de Guimarães, sede da capital europeia da cultura naquele ano. A realização contou com o valioso apoio da Câmara Municipal de Guimarães .

Como pode ser comprovado pela leitura do breve histórico descrito acima, ao longo dos anos a Fundação Cultural Ormeo Junqueira Botelho, seja através do CINEPORT ou do Festival Ver e Fazer Filmes, vem mantendo uma estreita colaboração cinematográfica com os países da língua portuguesa, fruto de um intenso e prazeroso trabalho colaborativo, cujos resultados têm sido altamente positivos. São inúmeras as parcerias celebradas entre os frequentadores do Festival em todos os países, formando uma rede criativa e solidária, orgulho de todos que temos trabalhado incansavelmente para construí-la.

De volta a João Pessoa em 2014, nossos esforços já estão em pleno andamento. Certamente, a próxima edição do CINEPORT será ainda mais empolgante. A experiência adquirida nas realizações anteriores nos dá a certeza de estarmos no caminho. Porém, nada disto faz sentido sem a presença de todos. Contamos com ela para continuarmos juntos na construção da solidez cada vez maior das relações entre os países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa- CPLP.

  • incentivo
  • patrocinio

    logo_patrocinio
  • Realização

    fojblogo
  • mincultura

    cineport na rede

    linhafooter